Aulas e turmas de treinamento fazem parte do Projeto de Xadrez da IESI

xadrez2-medio

O SI em Notícia traz nessa publicação a contribuição de citações pesquisadas pelo professor Jonny Modesto para abrilhantar ainda mais o Projeto de Xadrez da IESI, que é ministrado dentro do currículo escolar, do Infantil II da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental e no SI Integral. A partir do 6º ano a instituição disponibiliza turmas de treinamento, totalmente gratuitas, fora do horário normal de aula.

Confira o desenvolvimento desse projeto do álbum, Projeto de Xadrez 2016, e leia logo abaixo, na íntegra, o texto:

Augusto Cury nos diz “Estamos assistindo ao assassinato coletivo da infância das crianças e da juventude dos adolescentes no mundo todo. Nós alteramos o ritmo de construção dos pensamentos por meio do excesso de estímulos, sejam presentes a todo momento, seja acesso ilimitado a smartphones, redes sociais, jogos de videogame ou excesso de TV. Eles estão perdendo as habilidades sócio emocionais mais importantes: se colocar no lugar do outro, pensar antes de agir, expor e não impor as ideias, aprender a arte de agradecer. É preciso ensiná-los a proteger a emoção para que fiquem livres de transtornos psíquicos. Eles necessitam gerenciar os pensamentos para prevenir a ansiedade. Ter consciência crítica e desenvolver a concentração. Aprender a não agir pela reação, no esquema ‘bateu, levou’, e a desenvolver altruísmo e generosidade”.

Vejo que o xadrez pode contribuir para o desenvolvimento de consciência crítica, concentração, gerenciamento do pensamento e outros valores axiológico. Para tanto alguns autores confirmam o meu pensamento catártico.

Fiske cita: “Ele (xadrez) dá prazer ativo à juventude, sóbria satisfação à maturidade e perpétuo consolo à velhice”.

Zweig escreve que o jogo de xadrez tende a “afastar o tédio, aguçar os sentidos, exaltar o espírito”.

Grover diz: “O Jogo Real traz ricos dividendos – mente aguda e alerta, superior apreciação de valores, senso de proporção e compreensão mais madura da própria vida e de nossos companheiros”.

Reinfeld diz: “Posso dizer honestamente que muito apreendi com o xadrez: como ser paciente, como suportar as coisas, como compreender o ponto-de-vista dos outros, como persistir em caminhos não comprometedores, como tirar lições de meus erros”

Treine XADREZ na IESI
Mais Informações com professor Jonny

Por Marketing e Eventos

Clique na imagem abaixo e veja todas as notícias:

si-noticia.jpg-teste

Menu Title